Força-tarefa de CFOs do Pacto Global lança Princípios para Integração dos ODS em Investimentos e Finanças

O objetivo é criar um mercado eficiente para investimentos em ODS e fluxos de capital

Nova York, 21 de setembro de 2020 - A Força-Tarefa de CFOs do Pacto Global lançou hoje os primeiros princípios para finanças e investimentos integrados aos ODS. Os princípios buscam orientar as empresas no alinhamento de seus compromissos de sustentabilidade com estratégias de finanças corporativas confiáveis para criar impacto relacionado aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

Lançado paralelamente à histórica 75ª sessão da Assembleia Geral da ONU, 34 Diretores Financeiros e Executivos C-level - membros da Força-Tarefa de CFOs do Pacto Global - apontaram quatro áreas principais que são relativamente mal atendidas, mas críticas para os investimentos alinhados aos ODS : impacto e medição; estratégias e investimentos; finanças corporativas; comunicação e relatórios dos ODS integrados. O objetivo é trabalhar com a cadeia de valor de investimento, incluindo investidores, bancos, instituições financeiras de desenvolvimento, agências de classificação de crédito e empresas de avaliação de sustentabilidade para criar um mercado amplo, líquido e eficiente para investimentos de ODS e fluxos de capital.

Os Princípios para Finanças Corporativas alinhados aos ODS permitem que o ecossistema financeiro amplie o financiamento e os investimentos em relação aos ODS para garantir que não deixemos ninguém para trás. Essa é a coisa certa e oportuna a se fazer, já que o sucesso de longo prazo dos negócios está intimamente ligado a um futuro sustentável para todos”, disse Sanda Ojiambo, CEO e Diretora-executiva do Pacto Global da ONU.

Conheça os Princípios:

1 - Impacto nos ODS e mensuração

2 - Estratégia e investimentos integrados aos ODS 

3 - Finanças corporativas integradas aos ODS

4 - Comunicações e relatórios integrados aos ODS

Acesse abaixo para acessar o texto completo.

Lista de empresas participantes da força-tarefa de CEOs: China Development Bank; Federated Hermes; Iberdrola; Moody’s Corporation; Sinopec; Sompo Asset Management; Vieira De Almeida Legal Partners; AB InBev; BASF; Braskem; Danone; Enel; Engie Impact; Eni; FCC Construcción; Ford; Givewith; Global Impact Initiative; Grupo Nueva Pescanova; IDB; Jacobs; Leonardo; PIMCO; Pirelli; RWE; SkyPower Global; SNAM; Societe Generale; Stantec; Terna; Tesco; Turkcell; Unilever; Verizon

Rede Brasil discute soluções baseadas na natureza no Fórum Virada Sustentável
Índice S&P/B3 Brasil ESG analisa adesão aos Dez Princípios entre as empresas listadas
Mulheres venezuelanas concluem capacitação profissional do Empoderando Refugiadas

NOSSOS PARCEIROS

APOIADORES INSTITUCIONAIS

Grupo Boticário
MRV